• Português
plantio do feijão

Conheça os tipos de terreno, as condições ideais para o cultivo e tudo o que os produtores precisam saber sobre como preparar o solo para o plantio do feijão

Saber como preparar o solo para o plantio do feijão é essencial para que os produtores obtenham o produto final esperado, com qualidade, poucas perdas e que garanta a rentabilidade estimada.

Nesse sentido, vale destacar que o feijão é um dos principais grãos produzidos no Brasil, com média de 3 milhões de toneladas por ano. Para a safra atual, inclusive, é esperada uma produção de 3,126 milhões de toneladas, de acordo com o 1º Levantamento da safra de grãos 2020/21.

Essa estimativa de produção pode sofrer ajustes ao longo do ano, porque o cultivo do feijão é dividido em três safras:

1ª – Safra de verão ou “das águas”, entre outubro e novembro

2ª – Safra outonal ou “da seca”, entre fevereiro e março

3ª – Safra de inverno entre abril e junho

Diante deste contexto, saber como preparar o solo para o plantio do feijão é fundamental para uma boa produção. Pensando nisso, preparamos esse conteúdo sobre o tema. Confira a seguir!

Leia também: Produção de feijão: 6 dicas para aumentar a produtividade

Conheça os principais tipos de solo para o plantio do feijão

A planta do feijão, ou feijoeiro, se adapta a diversas características de terreno, desde solos com texturas arenosas até argilosa e pesada.

O ponto principal sobre preparar o solo para o plantio do feijão é a drenagem, já que em terrenos com texturas mais argilosas e com má drenagem, a semeadura deve ser evitada na safra de verão para evitar possíveis problemas nas raízes da planta.

Isso se deve ao fato de que a drenagem ruim provoca o ataque da semente por fungos do solo, o que, consequentemente, reduz a emergência das plântulas e prejudica os feijoeiros.

Além disso, é importante ter atenção com a compactação do solo. Neste caso, é necessário saber que a planta do feijão apresenta um sistema radicular modesto, que limita a exploração do solo por água e nutrientes e, assim, terrenos compactados podem reduzir a produtividade em até 75%.

Ainda é necessário destacar que, a sucessão do cultivo de feijão sobre feijão ou sobre soja deve ser evitada, já que pode aumentar a incidência de doenças como:

  • Antracnose
  • Podridão Radicular
  • Rhizoctonia
  • Mofo-branco
  • Pragas em geral

Saiba mais: Calendário agrícola: entenda as safras no Brasil

Entenda como preparar o solo para o plantio do feijão

Existem diferentes métodos para preparar o solo para o plantio do feijão. Confira os principais a seguir.

Preparo convencional
em que o objetivo é revolver a camada superficial do solo a partir de discos como arados grandes pesados ou arado de aiveca.

Preparo reduzido
que visa diminuir o número de operações e dos problemas com erosão, a partir da utilização do arado escarificador, que deve ser usado com o terreno com a capacidade de campo entre 30% e 40%.

Semeadura direta ou plantio direto na palha que não realiza o revolvimento do solo e a cobertura por resíduos vegetais.

Você pode se interessar por: Peneira agrícola: 5 dicas para tornar sua lavoura mais produtiva

Conheça a Giometti

Agora que você já conhece as principais práticas sobre como preparar o solo para o plantio do feijão, é importante contar com as melhores ferramentas na sua lavoura.

Por isso, a Giometti está pronta para oferecer os melhores produtos para o seu negócio! Temos mais de 120 anos de tradição e apoio ao agronegócio no Brasil com diversos produtos, desde peneiras agrícolas até telas e alambrados.

Fale com os nossos profissionais e saiba como a Giometti te ajuda a obter os melhores resultados no seu plantio de feijão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp chat